2ª startup mais valiosa da China levanta US$ 4,2 bilhões depois de fixar preço de IPO

Esse preço, comparado a um intervalo de oferta de HK$ 60 a HK$ 72, valoriza a Meituan Dianping em cerca de US$ 48 bilhões

2ª startup mais valiosa da China levanta US$ 4,2 bilhões depois de fixar preço de IPO

Esse preço, comparado a um intervalo de oferta de HK$ 60 a HK$ 72, valoriza a Meituan Dianping em cerca de US$ 48 bilhões

0
shares

A Meituan Dianping levantou cerca de US$ 4,2 bilhões depois que fixou o preço de sua oferta pública inicial em Hong Kong.

A segunda maior startup de tecnologia da China determinou a venda de 480,27 milhões de novas ações de classe B, a HK$ 69 cada. Esse preço, comparado a um intervalo de oferta de HK$ 60 a HK$ 72, valoriza a Meituan em cerca de US$ 48 bilhões, de acordo com os cálculos da Bloomberg.

A Meituan está entre as maiores de uma nova geração de gigantes da internet que estão desafiando o domínio de longa data da Tencent e da Alibaba. Seu IPO teria atraído investimentos pessoais de Li Ka-shing, o homem mais rico de Hong Kong, bem como Thomas Lau, presidente da operadora de lojas de departamento Lifestyle International. A empresa, que é investida pela Tencent, planeja começar a negociar em 20 de setembro.

O Goldman Sachs, Morgan Stanley e o Bank of America são patrocinadores conjuntos da oferta, enquanto a China Renaissance é a única consultora financeira, mostra o prospecto.

O IPO da Meituan é a segunda maior estreia tecnológica de Hong Kong já vista, mas atraiu menos entusiasmo de investidores individuais do que outras grandes listagens do setor.

O presidente Wang Xing tem a ambição de transformar sua empresa em um super-aplicativo na veia do próprio WeChat da Tencent, fornecendo tudo, desde pagamentos digitais a reservas de viagens e aluguel de bicicletas. Isso implica uma expansão cara, que o coloca contra a Alibaba em particular. Esta última está gastando bilhões para tentar assumir o controle de uma indústria chinesa de entrega de alimentos e serviços online de US $ 1,3 trilhão.

A Meituan, no entanto, mostrou-se disposta a controlar os gastos, como congelar uma incursão dispendiosa em ride-hailing

(via Bloomberg)

StartSe de olho na China!

A StartSe traz para São Paulo o China Day Conference, evento completamente focado em discutir pontos como esses com maior profundidade! Se você quer saber ainda mais sobre a China, não deixe de conferir nossa semana de imersão por lá, liderada por Ricardo Geromel.

Baixe já o aplicativo da StartSe

App StorePlay Store

Assine nossa newsletter

switch-check
switch-x
Nova Economia
switch-check
switch-x
Empreendedores
switch-check
switch-x
Startups
switch-check
switch-x
Ecossistema
Mais em Startups