Nós queremos ser o melhor integrador
e o maior agente econômico do ecossistema brasileiro de startups.

Nós queremos ser o melhor integrador e o maior agente econômico do ecossistema brasileiro de startups.

Nós queremos ajudar o empreendedorismo a transformar o Brasil.
Vamos juntos?

Nossa proposta de valor engloba um amplo portfólio de serviços e recursos tecnológicos para acelerar negócios no ecossistema de startups, entre eles:

Cursos e eventos presenciais e virtuais

Portal de informações e agência de notícias

Sistemas digitais para conexão do ecossistema e gerenciamento do ciclo de vida de startups

Pessoas na frente do computador representando empreendedorismo transformando o Brasil

As soluções do StartSe são desenhadas para atender as diversas perspectivas do ecossistema: empreendedores, startups, investidores-anjo, fundos de investimento, mentores e profissionais, aceleradoras e startup hubs, centros tecnológicos e agências governamentais e as corporações já estabelecidas.

Quem é o StartSe?

O StartSe é uma jovem empresa que acredita que somente a inovação e o empreendedorismo são capazes de transformar o Brasil. Perseguindo este propósito, o StartSe provê tecnologias e serviços para informar, educar e conectar as pessoas, para assim estarem preparadas a desenvolver e realizar negócios da Nova Economia.

Como o Startse faz isto?

Utilizando-se do ecossistema de startups e de sua base no Vale Do Silicio, ele motiva as pessoas a empreenderem, se interessarem pelo tema e conhecerem a nova economia, através do seu portal. Com mais de 50 diferentes cursos e eventos, educa e prepara os profissionais e as empresas sobre as mudanças que irão vivenciar nos próximos anos. E por fim, através do Startse Base ele conecta empreendedores, investidores, mentores e empresas, pois acredita que juntos serão muito mais fortes.

O que é o Ecossistema de Startups?

É a rede formada por diversos tipos de conexões entre diferentes nodos (pessoas, startups, empresas) que suportam e fomentam o empreendedorismo inovador centrado nas startups. Além das startups, neste ecossistema encontramos diferentes perfis de pessoas (empreendedores, investidores, mentores, estudantes, entusiastas e profissionais diversos) e organizações já estabelecidas que, de alguma forma, ajudam e estão diretamente conectadas às startups(ex.: incubadoras, aceleradoras, universidades, fundos de investimento, áreas de inovação corporativas, associações, etc).

O que é a Nova Economia?

É desafiador tentar explicar, mas é fácil entender pois todos já a estamos percebendo no dia-a-dia. Seja na família ou no trabalho, seja no diferentes interesses e maior liberdade dos clientes, em praticamente qualquer indústria ou atividade, a nova economia surge da aceleração das mudanças que estão fazendo surgir novos modelos de negócios disruptivos, tornando empresas e profissões obsoletas muito rapidamente. A nova economia nos exige pensar e agir diferente, através de novas formas de criar valor, consumir, trabalhar e viver.

O que é uma Startup?

Baseado em diversas definições o StartSe compilou o seguinte:

"Startup é o período inicial, intenso e temporário de um novo empreendimento que - provavelmente utilizando tecnologia no produto final ou em algum processo relevante - está buscando validar um modelo de negócios inovador, repetível e escalável, sob condições de extrema incerteza."

Não é fácil definir o que é - ou não é - uma startup pois existem diferentes perspectivas e os conceitos tendem a se alterar com o tempo. Entretanto, para ser interessante para o ecossistema nós do StartSe buscamos identificar algumas destas características:

não é ser apenas uma pequena ou nova empresa;

não é ser apenas uma empresa de tecnologia;

não é um prestador de serviço ou um modelo de negócios convencional;

precisa estar relacionada a algo novo, seja no produto, no serviço ou no modelo de negócios (inovação);

precisa buscar ser algo disruptivo (tornar obsoleto algo que já existe hoje);

precisa buscar ter grande impacto (moonshots, grandes pretensões);

precisa buscar um modelo de negócios escalável (uma curva de crescimento exponencial);

precisa buscar "repetibilidade” (é possível repetir o processo de entrega, ou talvez a repetição do consumo);

precisa ter pessoas diferenciadas liderando e empreendendo (founders);

precisa ser um negócio, não uma pessoa (equipe);

precisa ter tecnologia embarcada ou utilizada de maneira significativa em alguma etapa do negócio (tecnologia);

precisa ser uma empresa nova, ou alguma existente criando outra (spin-off) ou se redesenhando radicalmente (new-venture);

precisa ser e fazer o bem :)