“Temos 8 milhões de buscas e 510 tratores vendidos por mês”, diz diretor da OLX

O e-commerce criou uma categoria específica para venda de maquinários agrícolas devido a demanda dos próprios usuários

“Temos 8 milhões de buscas e 510 tratores vendidos por mês”, diz diretor da OLX

O e-commerce criou uma categoria específica para venda de maquinários agrícolas devido a demanda dos próprios usuários

0
shares

A tecnologia não está impactando apenas nos processos de produção do agronegócio, mas também na comercialização de produtos e maquinários do setor. Marketplaces já estão adicionando a categoria em seus modelos de negócio – a OLX agora possui “Agro e Indústria” e plataformas online estão sendo criadas exclusivamente como um ambiente de negociação da agricultura e pecuária – a CBC Agronegócios.

A OLX começou a perceber um tráfego intenso por maquinários agrícolas que, por não haver uma categoria adequada para estes produtos, ficavam perdidos em diferentes sessões. O e-commerce entendeu a necessidade de seus clientes e criou a categoria específica. São feitas 8 milhões de buscas por equipamentos agrícolas e 510 tratores são vendidos por mês, em média.

“Decidimos usar nossa experiência técnica em carros e eletrônicos e trouxemos esta força para o agronegócio”, comenta Valle. Hoje, é possível encontrar máquinas agrícolas novas e seminovas na plataforma por preços mais acessíveis.

“Mesmo quem quer comprar um equipamento novo, as vezes tem que fazer a venda do artigo para financiamento. Essa troca é muito importante no ecossistema e trazemos a tecnologia para este ecossistema do agronegócio”, afirma o diretor de estratégias e planejamento da OLX.

Agora com vendas para o agronegócio, a OLX se tornou uma plataforma de tráfego qualificado na compra e venda do maquinário – 60% dos anúncios desta categoria recebem 3 contatos distintos em até três dias.

Plataforma de negociação do agronegócio

Além de ser um marketplace de produtos agrícolas, a CBC Agronegócios também é uma plataforma de negociação. Compradores e fornecedores se conectam através da plataforma e podem realizar as negociações, com o ponto positivo de ter todas as conversas registradas em apenas um local.

O registro também é positivo para que as propostas de negócios não-fechados possam ser revisitadas e até reacendidas, se desejado.

“Criamos o sistema para que as vantagens da tecnologia cheguem à comercialização. Nosso trabalho diário é conectar as pessoas para que possam se conhecer e interagir entre si”, comenta Junior Rodrigues, consultor comercial da CBC Agronegócios.

Atualmente, a marketplace possui 900 produtos cadastrados na plataforma e 18 mil cadastros no ecossistema, conectando produtores rurais, cerealistas, entre outros.

Bruno Valle e Junior Rodrigues estiveram hoje na Agrotech Conference, evento da StartSe que reúne especialistas, startups e empresas para discutirem a revolução da tecnologia no agronegócio.

Baixe já o aplicativo da StartSe

App StorePlay Store

Assine nossa newsletter

switch-check
switch-x
Nova Economia
switch-check
switch-x
Empreendedores
switch-check
switch-x
Startups
switch-check
switch-x
Ecossistema
Mais em Startups